Início Maranhão MPMA lança aplicativo para consulta de dados cadastrais

MPMA lança aplicativo para consulta de dados cadastrais

106
0

Em reunião realizada nesta sexta-feira, 25, na Procuradoria Geral de Justiça, foi apresentado ao procurador-geral de justiça, Luiz Gonzaga Martins Coelho, o aplicativo NYX-LD/MPMA. A nova ferramenta foi disponibilizada pelo Laboratório de Tecnologia contra Lavagem de Dinheiro do Ministério Público do Maranhão, por meio do Núcleo de Tecnologia da Informação.

O aplicativo permite a consulta simplificada de dados cadastrais das bases conveniadas, exclusiva aos membros da instituição, através do Sistema Plutão.

A promotora de justiça Klycia Luiza Castro de Menezes fez a apresentação da nova ferramenta e explicou de que forma o NYX vai facilitar o acesso de dados ao promotor de justiça em audiências ou plantões. “É um aplicativo auditável, seguro e exclusivo aos membros do MPMA. Será possível consultar pessoas físicas, jurídicas, carteiras de identidade, fotografias, Renavam e carteiras de habilitação”, detalhou.

O procurador-geral de justiça parabenizou a iniciativa que vai ampliar a capacidade do Ministério Público no acesso a dados e informações por meio da utilização de softwares e ferramentas tecnológicas. “Trata-se, sem dúvida, de um grande avanço para o Ministério Público do Maranhão”, avaliou o PGJ.

O aplicativo está disponível somente para membros do MPMA, na plataforma Android para dispositivos móveis, como smartphones e tablets, o que facilitará as atividades principalmente durante audiências e plantões.

Para a promotora de justiça Jerusa Capistrano Pinto Bandeira, o aplicativo é uma ferramenta que vai possibilitar ao promotor de justiça ter acesso a várias informações de forma ágil e confiável. “ Esta ferramente vai nos auxiliar muito em investigações, pesquisas e nas diversas demandas da promotoria de justiça”, avaliou a coordenadora de Assuntos Estratégicos e Inteligência do MPMA (CAEI).

Participaram ainda da reunião, o diretor da Secretaria para Assuntos Institucionais do MPMA, Marco Antônio Santos Amorim; o promotore de justiça Marco Aurélio Cordeiro Rodrigues (integrante do Grupo de Atuação Especial no Combate às Organizações Criminosas – Gaeco), o coordenador do Centro de Apoio Operacional da Probidade (CAOp ProAD), Cláudio Rebêlo Correia Alencar; a promotora de justiça Laura Amélia Barbosa e servidores do MPMA.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here