Início Brasil Miliciano de Rio das Pedras réu na Operação Intocáveis é preso no...

Miliciano de Rio das Pedras réu na Operação Intocáveis é preso no Ceará

42
0

Gerardo Alves Mascarenhas, o Pirata, um dos réus da Operação Intocáveis Foto: Reprodução

A Polícia Civil do Estado do Ceará prendeu, na manhã desta quinta-feira, o miliciano Gerardo Alves Mascarenhas, o Pirata, um dos réus da Operação Intocáveis, resultado da investigação sobre a milícia de Rio das Pedras. Ele foi preso na cidade de Coreau. Com ele, ainda restam dois bandidos foragidos, entre eles, o ex-capitão do Bope, Adriano Magalhães da Nóbrega.

As investigações foram feitas pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do MP. Em janeiro deste ano, a promotoria denunciou 13 milicianos de Rio das Pedras e Muzema por grilagem de terras na região, formação de quadrilha e homicídio. Os 13 respondem à processo no 4º Tribunal do Júri.

Segundo o Ministério Público do Rio de Janeiro, o miliciano preso no Ceará era uma espécie de “faz tudo do grupo”. Em interceptação telefônica autorizada pela Justiça, o contador do bando, Manoel de Brito Batista, o Cabelo, manda que ele tire um carro numa das ruas da comunidade:

CHAMADA DO DIA 25/10/2018, às 14h58m47s

PIRATA: Oi.

MANOEL: Vai lá em frente a loja do João lá, tem um carro parado tá atrapalhando o caminhão entendeu, não tem nem uma saída, eu tô aqui na Barra, vai lá se o carro tiver lá no meio, leva a empilhadeira e tira ele do meio lá e taca fogo nele.

PIRATA: De frente do Depósito do?

MANOEL: lá em frente o João da Domini.

PIRATA: Tá, valeu

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui