Início Coelho Neto Confronto entre ciganos deixa 4 mortos e 5 feridos em Coelho Neto...

Confronto entre ciganos deixa 4 mortos e 5 feridos em Coelho Neto MA

2770
0

Na manhã deste último domingo (9), um tiroteio nas proximidades do mercado do agricultor do município de Coelho Neto, interior do Maranhão, deixou quatro mortos e cinco feridos – entre eles, uma criança de 3 anos – Segundo a polícia, o episódio foi motivado pelo conflito entre famílias ciganas da cidade e região.

De acordo com testemunhas dizem que a dupla na motocicleta ficaram próximo a casa das vítimas e assim que saíram para o mercado a dupla ligou para os demais integrantes que ficaram aguardando dentro da careceria da Saveiro prata cobertos com uma lona, assim que a família se aproximou do mercado, eles iniciaram os disparos contra a família rival.

Os atiradores mataram três membros da família e deixaram outros feridos. Dentre os atingidos, está uma criança de 3 anos, que levou um tiro na cabeça e está em estado grave. Quando a Polícia Militar chegou ao local, os responsáveis pelo crime já haviam fugido a caminho do povoado de Brejinho.

Após os crimes, os atiradores que estavam na moto evadiram e os outros dois abandonaram o veículo Fiat Strada em que estavam, tomaram uma motocicleta de assalto e fugiram com ela logo depois.

Na estrada, porém, a moto parou de funcionar. Por causa disso, os dois homens a abandonaram e entraram no matagal.

Um reforço policial de Caxias Duque Bacelar Afonso Cunha veio a Coelho Neto, na busca dos Pistoleiros mais sem êxito até o momento ninguém foi preso.

De acordo com afirmação do Coronel Márcio Silva, do 2º Batalhão da Polícia Militar, a briga entre as duas famílias ciganas já tem muitos anos. “Essa richa [desta manhã] aconteceu por causa de crimes anteriores contra a família. Foi uma questão de vingança”, explica. As famílias ciganas têm ligações não só em Coelho Neto, mas também em Caxias, Chapadinha e Alto Alegre do Maranhão, disse ele.

Somente três das quatro pessoas mortas foram identificadas: José de Ribamar da Silva Castro, Antônio José da Silva Costa, Antônio Francisco da Silva Costa. As vítimas feridas, Francisco Camilo da Rocha, Raimundo Nonato da Silva Costa e Maria Antônia da Silva Costa, foram conduzidas para a UPA e transferidas para Timon. A criança, Francisco Guilherme da Silva Costa, foi encaminhada ao Hospital de Presidente Dutra em estado grave.

O quarto morto, seria um dos pistoleiro que morreu em confronto. Até agora não foi identificado sua verdadeira identidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui